Serviços |  Portfólio  |  Notícias  |  Outros  |  Webmail  |

Principal


 

Fotos

Usinas

Links

 

 

 

 

 

 

Itaipu

Marmelos Zero

Itaipu

Itaipu é uma usina hidrelétrica binacional construída pelo Brasil e pelo Paraguai no rio Paraná, no trecho de fronteira entre os dois países, 14 quilômetros ao norte da Ponte da Amizade. A área do projeto se estende desde Foz do Iguaçu, no Brasil, e Ciudad del Este, no Paraguai, ao sul, até Guaíra (Brasil) e Salto del Guairá (Paraguai), ao norte.   A potência instalada da Usina é de 14.000 MW (megawatts), com 20 unidades geradoras de 700 MW.

Em 2008, a usina de Itaipu atingiu um novo recorde histórico de produção de energia, com a geração de 94.684.781 megawatts-hora (MWh). O recorde anterior era do ano 2000, quando Itaipu gerou 93.427.598 MWh. Isso garantiu o suprimento de 87,3% de toda a energia elétrica consumida no Paraguai e 19,3% da demanda do sistema interligado brasileiro.

Até o funcionamento em plena capacidade da Hidrelétrica de Três Gargantas na China, a usina de Itaipu é a maior hidrelétrica do mundo em potência instalada. Em capacidade de geração continuará sendo a mais importante, visto que o regime hidrológico do rio Paraná apresenta maior fluxo de água que o Rio Yangtzé.

Recentemente, as relações bilaterais entre Brasil e Paraguai têm sido marcadas por discussões acerca da necessidade de se rever o marco regulatório em que se funda Itaipu Binacional. Do lado paraguaio, defende-se o que se chama de soberania energética do país guarani. No lado brasileiro, economistas afirmam que o tratado foi, desde o início, extremamente benéfico ao Paraguai. O argumento usado é de que o Paraguai só entrou com as áreas de fronteira que necessitavam ser usadas para o lago e construção, enquanto teve toda a obra financiada pelo Brasil e sua amortização é feita com recursos ganhos pela venda do excedente ao Brasil.

Click aqui e saiba mais sobre Itaipu

Fonte: Wikipédia

Marmelos zero

Marmelos Zero foi a primeira usina hidrelétrica, usada para serviço de utilidade pública, instalada na América do Sul. Localizada no Rio Paraibuna, em Juiz de Fora (MG), a PCH foi construída por Bernardo Mascarenhas, através da Companhia Mineira de Eletricidade (CME), com o objetivo de fornecer energia elétrica para os juizforanos.

Marmelos Zero entrou em funcionamento em 5 de setembro de 1889, com dois geradores monofásicos de 125kW cada, com tensão de 1000 volts e freqüência de 60 hertz.

A iniciativa de Bernardo Mascarenhas resultou em um período de grande crescimento para a cidade de Juiz de Fora, que chegou a ser chamada de “Manchester Brasileira”.

A central de Marmelos Zero está localizada na Cachoeira de Marmelos, antiga rodovia União e Indústria, saída de Juiz de Fora para Mathias Barbosa (MG).

A crescente demanda por energia levou sucessivas expansões da usina, que atualmente conta com uma potência instalada de 4 MW, sendo portanto uma PCH (Pequena Central Hidrelétrica), conforme a classificação adotada pela ANEEL atualmente.

A CEMIG (Companhia Energética de Minas Gerais) adquiriu a usina em 1980. Em 1983, a Usina de Marmelos foi tombada pelo patrimônio municipal de Juiz de Fora e transformada em espaço cultural. Foi instalado na edificação da usina o Museu de Marmelos Zero.

volta ao topo

   
| quem somos | mapa do site | página principal | localização | fale conosco | sair |

Copyright 2009 VKS engenharia